Conecte-se conosco

Benfica

Os estranhos negócios entre o Benfica e o Vitória de Setúbal

Entre 2016 e 2017, o Benfica terá simulado contratos para injetar no Vitória de Setúbal mais de 1,5 milhões de euros. Quem o noticia é a revista Sábado (AQUI) que eu passo a citar.

Os estranhos negócios entre o Benfica e o Vitória de Setúbal

«Durante dois anos, entre 2016 e 2017, a Benfica SAD realizou uma série de contratos com a Vitória Futebol Clube (VFC) SAD relacionados com o empréstimo de jogadores e a aquisição de direitos de preferência sobre atletas do Setúbal que renderam aos sadinos cerca de 1,5 M€.

Ainda mais: LF Vieira e Rui Costa suspeitos de desviar dinheiro do Benfica

Todavia, de acordo com a investigação da Polícia Judiciária (PJ) e do Ministério Público (MP) no chamado caso dos emails, todos esses contratos não terão tido qualquer racional económico para o Benfica e não terão sido mais do que uma forma de a SAD então liderada por Luís Filipe Vieira transferir verbas para o Vitória FC, cujas dificuldades financeiras eram já conhecidas – em 2020 o clube acabou mesmo por ser afastado das competições profissionais por não reunir condições para o licenciamento da Liga profissional.

Entende o MP que esses acordos fariam mesmo parte de um plano elaborado por Luís Filipe Vieira, Rui Costa, Domingos Soares de Oliveira e Paulo Gonçalves para, através da celebração de diversos contratos fictícios cujo objetivo era “formalizar negócios materialmente inexistentes”, retirar “elevados montantes da esfera da Sport Lisboa e Benfica SAD” e “realizar atribuições financeiras com elevado valor pecuniário ou de ativos com valor desportivo à VFC SAD”, sendo “emitidas faturas fundadas nesses acordos”.

Segue O Fura-Redes no Whatsapp

Bruno Varela

O despacho de indiciação do MP refere concretamente cinco negócios entre a Benfica SAD e a Vitória Futebol Clube SAD que renderam aos setubalenses mais de 1 milhão e meio de euros.

O primeiro acordo que as procuradoras do MP entendem ter sido lesivo dos interesses do Benfica prende-se com o guarda-redes Bruno Varela. A 30 de junho de 2016 o atleta foi cedido gratuitamente pelo Benfica ao Vitória, ficando os encarnados com o direito de readquirir os direitos do jogador até 31 de agosto de 2020 por €100 mil.

Todavia, a 29 de maio de 2017, menos de 1 ano após esse primeiro acordo, o Benfica exerceu o direito que tinha reservado e pagou €100 mil (mais €23 mil em IVA) ao Vitória por apenas 50% dos direitos desportivos e económicos do jogador.

Segue O Fura-Redes no Whatsapp

Direitos de preferência a dobrar

O segundo negócio suspeito descrito pelo MP ocorreu em janeiro de 2017. Nesse acordo, a Benfica SAD comprometeu-se a pagar à SAD do Vitória €300 mil (acrescidos de €69 mil em IVA) pelo direito de preferência de qualquer dos jogadores do plantel do Setúbal.

A quantia foi transferida no fim desse mesmo mês mas, para surpresa das procuradoras, a 4 de abril de 2017 as duas SAD celebraram um novo contrato segundo o qual o Benfica teria de pagar ao Vitória mais €400 mil (acrescidos de €92 mil em IVA) para garantir o direito de preferência na aquisição definitiva de 5 jogadores.

Ou seja, segundo o MP, “atribuiu-se à SLB SAD direitos de preferências que já se encontravam abrangidos pelo contrato celebrado anteriormente.”

Segue O Fura-Redes no Whatsapp

João Amaral

De acordo com o documento a que a SÁBADO teve acesso, os acordos relativos a jogadores do Setúbal não se ficaram por aqui. A Benfica SAD e a VFC SAD viriam a celebrar novo contrato relativamente a João Amaral que já se encontrava abrangido pelos 2 contratos anteriores. Neste terceiro acordo, o Vitória cedeu ao Benfica a opção exclusiva de aquisição definitiva do futebolista por €440 mil (acrescidos de €101.200 em IVA). Caso os encarnados viessem a exercer esse direito, teriam de pagar apenas €10 mil – o que aconteceria em março de 2018. No verão desse ano, o jogador seria vendido ao Lech Poznan da Polónia por €350 mil, de acordo com o site Transfermarkt.

Para o MP, estes contratos sucessivos visavam a “injeção de dinheiro proveniente da SLB SAD na VFC SAD”, tendo os administradores do Benfica agido “orientados pela estratégia de executar o plano de financiamento do VFC (…) sem qualquer benefício ou retorno para a sociedade, dada a existência de sobreposição de direitos”.

Segue O Fura-Redes no Whatsapp

Willyan Barbosa

A informação recolhida pelo MP indica que, em maio de 2017, no mesmo contrato que formalizou a opção de compra de João Amaral, os dois clubes acordaram igualmente a venda ao Benfica de 40% dos direitos de Willyan Barbosa por €40 mil (acrescidos de €9.200 de IVA).

Contudo, para as procuradoras, também este negócio foi uma forma de injetar dinheiro no clube histórico de Setúbal. Isto porque no fim da época anterior, 2016/2017, 70% dos direitos económicos do jogador tinham sido cedidos gratuitamente pelo Clube Desportivo Nacional à SLB SAD por conta de uma dívida que o clube da Madeira tinha ao Benfica e que se cifrava então em €450 mil. O Benfica informou o Nacional que o atleta seria transferido direta e gratuitamente para o Setúbal a partir de 1 de julho de 2017. Por isso, concluiu o MP, ao adquirir 40% do passe de Willyan Barbosa, a Benfica SAD “pagou na verdade por um ativo que lhe tinha sido cedido gratuitamente para efeitos de compensação de dívida, permitindo a atribuição à VFC SAD de €40 mil e a cedência gratuita de um ativo desportivo”.

Para além disso, segundo o MP, quando em março de 2019 o Vitória vendeu o jogador ao Gwangju FC por 120 mil dólares, o Benfica não recebeu qualquer percentagem apesar de possuir parte do passe.

Segue O Fura-Redes no Whatsapp

Novo saco azul?

O processo dos emails, que começou com suspeitas de corrupção, parece ter-se transformado assim num novo caso saco azul. No qual há dinheiro a sair do Benfica sem se saber com que destino ou objetivo – a indiciação não identifica o fim dessas verbas. Para o MP, todos os contratos e pagamentos identificados visavam “formalizar negócios que, na realidade, não ocorreram” da forma como foram declarados, sendo “emitidas faturas fundadas nesses contratos ficcionados”.

É por esse motivo que o clube e os seus administradores são indiciados por fraude fiscal. “Não obstante saberem que se tratava de faturas falsas, documentos fictícios, não aceites como custos fiscais, e que o registo contabilístico das mesmas tinha como consequência necessária a apresentação de falsas declarações, os arguidos optaram, em comum acordo, por as apresentar à Autoridade Tributária, daí resultando vantagens patrimoniais ilegítimas e o enriquecimento da SLB SAD.”»

Ainda mais: LF Vieira e Rui Costa suspeitos de desviar dinheiro do Benfica

O Fura-Redes é um projeto independente com mais de 10 anos, sempre com destaque para o SL Benfica e futebol internacional, escrito por Tiago Wemans (furaredes11@gmail.com). Sou sócio do SLB desde Setembro 2001 e apaixonado por futebol desde o Mundial 1994. Por vezes participo no Visão Vermelha Podcast e no Bola na Rede, órgão de comunicação social de Desporto.

Entretanto não deixem de seguir a página do X para mais conteúdo de O Fura-Redes twitter.com/OFuraRedes – e o canal do youtube – youtube.com/@OFuraRedes

Segue O Fura-Redes no Whatsapp

Mais notícias


22 Comentários

22 Comments

  1. Sérgio

    Maio 29, 2024 at 8:49 am

    Tudo estranho, esquisito, fora do vulgar, suspeitas, etc. Só mesmo para constatar que o Benfica é que vende e que faz clickbait.
    Vejam bem a parte de cima da notícia em letras pequenas “CASO DOS EMAILS: MP DEIXA CAIR CORRUPÇÃO”. Fdx, ainda bem que descobriram alguma coisa senão andaram a perder tempo…

    • JotaPê

      Maio 29, 2024 at 9:17 am

      Primeiro era Corrupção, depois fuga aos impostos e agora é para salvar o Vitória de Setúbal da situação económica em que se encontrava. Se não se decidem ainda vão dizer que era para pagar o peixe da doca de Setúbal.

      • Tui

        Maio 29, 2024 at 10:59 am

        Ou vão dizer que é para pagar as tuas aulas de imbecilidade, que as propinas devem estar caras. Desde a operação Marquês que a justiça em PT está ao serviço dos media.Logo ao VdeSetúbal, que foi em tempos uma sucursal dos corruptos de Contumil. Mas o senhor do palheiro dizia que PDC não era seu inimigo mesmo que o fosse do SLB.

      • JotaPê

        Maio 29, 2024 at 11:57 am

        E depois eu levo na bilha.

  2. Red1904

    Maio 29, 2024 at 10:28 am

    O Benfica injetou, segundo o MP, dinheiro para salvar o Setúbal, pois os contratos não beneficiaram economicamente o Benfica.
    Quer dizer o quê, MP? Que, sempre que um jogador contratado não der retorno financeiro será crime?
    Desportivo? Desde 2015/2016 em 13 jogos o Benfica ganhou 8, 4 empates e 1 derrota. Ou seja pouco mais que um aproveitamento de 60%,

    Os nossos impostos estão a ser bem gastos.

    • Tui

      Maio 29, 2024 at 11:01 am

      Salvar o Setúbal? Mas a que propósito? Que responsabilidade para com os cornudos que se aliaram durante décadas ao bufoso lá de cima?

      • Fura Redes

        Maio 29, 2024 at 11:19 am

        não é? ainda por cima o Vitória que eram sempre 6 pontos safos para os das Antas

    • Anónimo

      Maio 29, 2024 at 11:40 am

      Já começa a coluna vertebral a entortar-se…

  3. Anónimo

    Maio 29, 2024 at 11:29 am

    Mais um delírio da cabeça de maus benfiquistas, que não aceitam gente desta à frente do clube.

    Claro que a falta de provas habitual vai “ilibar” mais uma vigarice que está aos olhos de qualquer pessoa com QI superior a 20 pontos e os bons benfiquistas exultarão por mais um troféu no museu Cosme Damião.

  4. Anónimo

    Maio 29, 2024 at 11:41 am

    As 4 pessoas desta imagem envergonham qualquer benfiquista de bem. Vale e Azevedo, dentro de tudo, não foi o pior.

    • Alma

      Maio 29, 2024 at 12:05 pm

      É melhor fazer uma lista dos itens para saber o que é um benfiquista de bem, e fazer uma formação para todos caberem nessa definição.
      Agora está na moda confundir valores morais ou que seja com justiça, a isso chama-se justicialismo
      SBL sempre

  5. Abby Hammes

    Maio 30, 2024 at 9:24 am

    Estas notícias sobre as acusações contra a direção do Benfica são chocantes. A situação em que os contratos foram supostamente utilizados para desviar fundos lança uma sombra sobre a reputação do clube. Investigações desse tipo minam a confiança dos torcedores na gestão do clube. Espero que a justiça prevaleça e que se tirem lições para evitar situações semelhantes no futuro.

    A propósito, se você quiser se distrair e tentar a sorte, recomendo dar uma olhada em https://luckyjet.net.br/.

    • Anónimo

      Maio 30, 2024 at 11:43 am

      “Estas notícias sobre as acusações contra a direção do Benfica são chocantes.”

      Chocantes? Só para quem anda distraído.

      • Tui

        Maio 31, 2024 at 11:40 am

        tu andas distraído nas costas

  6. Norberto

    Maio 30, 2024 at 3:17 pm

    Ainda não vi nenhum “post”, sobre os estranhos negócios com jogadores líbios nem nenhum “post” sobre o contrato de bruxaria.

  7. SLB

    Maio 30, 2024 at 10:58 pm

    Factos – jogos em que representa estes casos: 18-4-2016 Benfica 2 Setúbal 1 21-8-2016 Benfica 1 Setúbal 1 30-1-2017 Setúbal 1 Benfica 0 portanto na época 2016/2017 só fez 1 ponto além do empate na taça da liga. Benefício desportivo não foi, quanto ao resto investigue-se. Vou esperar por outras auditorias. Mas limpem o futebol de vez.

    • Anónimo

      Maio 31, 2024 at 7:35 am

      Lá vem ele passar o paninho…

      • JotaPê

        Maio 31, 2024 at 8:33 am

        Pelo meu cuzinho…

  8. Pingback: O melhor guarda redes da Liga - O Fura Redes - a tua página sobre o SL Benfica e futebol português!

  9. Pingback: O Vieirismo é o problema - O Fura Redes - a tua página sobre o SL Benfica e futebol português!

  10. Pingback: Processo saco azul coloca Benfica em perigo - O Fura Redes - a tua página sobre o SL Benfica e futebol português!

  11. Pingback: Um vice-presidente não é um bibelot - O Fura Redes - a tua página sobre o SL Benfica e futebol português!

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Em Destaque

Mais em Benfica