Conecte-se conosco

Benfica

Novo cântico Benfica/NN Boys

Novo cântico do Benfica/NN Boys topo sul:

“Sou do Benfica,
estou contigo em todo o lado,
Deixo tudo só te quero apoiar,
Fico louco quando sobes ao relvado,
Alegria que me dá ver-te jogar”

“Esse símbolo que carregas no teu peito
Põe-no sempre no lugar do coração
Trata dele sempre com muito respeito
E ele fará de ti um campeão”

“Glorioso, clube de muita conquista
Desde sempre nunca encontrou rival
A vaidade que eu tenho em ser benfiquista
Sou de um clube que é maior que Portugal”

“Quando eu já não tiver esta genica
For velhinho e me custar a respirar
Foi por ti Sport Lisboa e Benfica
Que nasci e vou morrer sempre a lutar”

“Oh meu amor….
Eu defenderei sempre o manto sagrado
A minha cor…
Hoje e sempre seja para onde eu for.”

O maior esforço do Benfica

O Fura-Redes é um projeto independente com mais de 10 anos, sempre com destaque para o Benfica e futebol internacional, escrito por Tiago Wemans (furaredes11@gmail.com). Por vezes participo no Visão Vermelha Podcast e no Bola na Rede, órgão de comunicação social de Desporto, vencedor do prémio CNID de 2023 para melhor jornal online do ano.

Para mais conteúdo de O Fura-Redes não percam a página do twitter – https://twitter.com/OFuraRedes – e o canal do youtube – https://www.youtube.com/channel/UCHo5sKJ7MECgD-FNdp-0DCw

Mais notícias


29 Comentários

29 Comments

  1. Anónimo

    Dezembro 29, 2023 at 3:57 pm

    Bem bonito 👌

  2. JotaPê

    Dezembro 29, 2023 at 8:33 pm

    4° verso: alguém que explique a estes rapazes que há quem tenha ganho mais. De cá, lá fora.

    O simbolo no peito será sempre o que pagar mais, já la vao os tempos em que todos queriam jogar aqui…

    • Anónimo

      Dezembro 29, 2023 at 8:52 pm

      O Arthur Cabral manda-te um abraço

      • Anónimo

        Dezembro 29, 2023 at 10:04 pm

        20 milhões e um golo? É optimo, grande craque.

        • Anónimo

          Dezembro 29, 2023 at 10:21 pm

          Um golo foi suficiente para te mandar um abraço! E olha, fez mais golos que o mega craque navarro

    • Anónimo

      Dezembro 29, 2023 at 8:58 pm

      Parece que um senhor careca disse esta semana a seguinte frase:

      “Parabéns ao Benfica, clube grande, clube histórico!”

      Se calhar pagamos ao homem, mas no relatório e contas a gente depois vê 🤣

    • Red1904

      Dezembro 29, 2023 at 9:56 pm

      Pronto, a azia pós vitória do Glorioso a vir ao de cima.
      Lembra-te também da condenação que têm, afinal deve ser o unico clube Português condenado por falsificação, manipulação e violação de correspondência privada – parabéns, ninguém vos tira este título mundial!

      • JotaPê

        Dezembro 29, 2023 at 10:06 pm

        Esse e as intercontinentais e a liga europa. As que infelizmente o Benfica nem cheira…

        • Anónimo

          Dezembro 29, 2023 at 10:22 pm

          “Parabéns ao Benfica, clube grande, clube histórico!”

          Eu sei que dói, mas é lidar….

        • Red1904

          Dezembro 29, 2023 at 10:25 pm

          Antes assim do que ser condenado, esse título ninguém vos tira!

          • JotaPê

            Dezembro 30, 2023 at 11:18 am

            Ja para nao falar dos presidentes presos… um orgulho este Benfica…

        • Anónimo

          Dezembro 29, 2023 at 10:51 pm

          Todos borrados a jogar com o último… e o Benfica é que está mal e cheio de casos! É continuar a marrar

          • JotaPê

            Dezembro 30, 2023 at 11:19 am

            O Benfica está óptimo. Especialmente na facilidade com que limpou campeonatos nos últimos 10 anos, co tra clubes moribundos…

          • Anónimo

            Dezembro 30, 2023 at 12:49 pm

            E com mais uma ajuda dos bois do apito.

          • Anónimo

            Dezembro 30, 2023 at 9:28 pm

            O Benfica nos últimos 10 anos tem 6 campeonatos. E o teu clube, quantos tem?

    • Anónimo

      Dezembro 30, 2023 at 3:05 am

      Os títulos lá fora valem tanto como os títulos olímpicos da Rússia.
      Todos sabem como foram ganhos e ninguém quer saber…
      O epíteto de clube histórico europeu não se compra com amarelinha, por muito que isso vos custe.

      • Anónimo

        Dezembro 30, 2023 at 11:17 am

        Amarelinha lembra sempre o veloso, o Nuno assis, o Hernâni, o Jordão e outros… ja sabes que quando mandas uma pedrada levas com 3…

        • Anónimo

          Dezembro 30, 2023 at 12:51 pm

          Isso não pega, camarada. Comparar casos isolados de dopping cujos únicos responsáveis foram os próprios jogadores com a prática continuada e institucionalizada pelo próprio clube há mais de 40 anos, é mesmo de pateta.

        • Anónimo

          Dezembro 30, 2023 at 3:44 pm

          Vamos lá ver se tens três para cada uma destas:

          Augusto lagartácio, numa interessante entrevista sobre a Taça Toyota (continental) disputada no Japão debaixo de neve, sob temperaturas negativas, mostrou bem a sua fibra de campeão: «Fiz um belíssimo jogo, que me correu bem do princípio ao fim. O encontro foi disputado em condições dificílimas com frio e neve. Mas neste jogo saiu-me tudo na perfeição: fiz bons desarmes, bons cruzamentos, bons remates (…). «Depois daquele jogo o meu corpo demorou um mês a regressar ao ritmo normal» (…) «no final fiquei meia hora debaixo do chuveiro quente e mesmo assim o meu corpo não reagiu. No intervalo a tremideira era tão grande que não conseguia manter o chá dentro do corpo. Entornava-se tudo». Um caso de hipotermia selectiva que só os mal intencionados, onde não me incluo obviamente, poderão levantar suspeitas.

        • Anónimo

          Dezembro 30, 2023 at 3:46 pm

          «Antigo futebolista confessa que usou doping no FC Porto. O futebolista brasileiro Walter Casagrande, que jogou no Futebol Clube do Porto na época 1986/87 confessou que fazia doping enquanto jogou em Portugal, no programa de Jô Soares. Aconteceu na Europa, no dia em que me estreei no FC Porto, soube que ia jogar por um colega, depois disse-me, tens de passar ali atrás, tens um negócio para usar, aí eu fui e usei, usei umas quatro vezes. É a coisa que mais me envergonha (…) o que menos gosto de lembrar. Atrapalha-me muito mais do que pensar em todas as drogas que tomei. Era injetado e dava disposição acima do normal» (…) «Em geral, injetavam Pervitin no músculo. De imediato, a pulsação ficava acelerada, o corpo superquente, com alongamento máximo dos músculos. Podia-se levantar totalmente a perna, a gente virava bailarina… Isso realmente melhorava o desempenho, o jogador não desistia em nenhuma bola. Cansaço? Esquece… se fosse preciso, dava para jogar três partidas seguidas»

        • Anónimo

          Dezembro 30, 2023 at 3:47 pm

          «Médico de Casagrande pertenceu ao Comité Antidoping da UEFA». «Domingos Gomes, médico que integrou e dirigiu o departamento clínico do foculporto durante quase três décadas, entre 1973 e 1999, esteve 15 anos na UEFA e três na FIFA, entre 1994-2009. Integrou a Comissão Médica da UEFA e daqui transitou para a Comissão Médica do Controlo Antidoping. Realizou mais de meio milhar de controlos, três dos quais em finais da Liga dos Campeões e outros três em Supertaças Europeias».

        • Anónimo

          Dezembro 30, 2023 at 3:48 pm

          Fernando Mendes – «Em determinado período da minha carreira cheguei a um clube que tinha uma grande equipa, um belíssimo treinador e um presidente carismático. Para além destas qualidades, existiram outros ingredientes que facilitaram o nosso percurso vitorioso» (…) «Os incentivos para correr eram sempre apresentados pelo massagista. Passado pouco tempo de estar no clube, ele aproximou-se de mim, e de outros novos jogadores» (…) «Disse-me claramente que aquilo que ia dar-me era doping, embora nunca tivesse falado de eventuais efeitos secundários» (…) “Cada jogador tomava uma dose personalizada, mediante o seu peso, condição física ou última vez que tinha ingerido a substância» (…) «Porém, nos jogos importantes era sempre certo» (…) «Quando se sabia que não iria haver controlo antidoping, nunca falhava» (…) «Com o passar do tempo assumi os riscos e tomei doping de todas as vezes que me foi dado» (…) «Nunca vi um único colega insurgir-se perante essa situação» (…) «Se um jogo fosse ao domingo, o nosso médico sabia na sexta ou no sábado quais as partidas que iriam estar sob a tutela do controlo antidoping. Mal tinha acesso à informação, avisava todo o plantel e o dia de jogo acabava por ser directamente influenciado por essa dica. Depois do apito final, as bolinhas eram retiradas do congelador e colocadas ao lado das outras dentro de um saco. Quando o médico ia escolher o atleta que tinha de ir ao controlo (antidoping), já sabia que não podia tirar nenhuma das bolinhas geladas (que eram as dos jogadores dopados)»

          Mais futebol, ainda sobre o «Jogo Sujo» do linhas brancas – “Em certos treinos víamos um ou dois juniores que apareciam para treinar conosco. Esses juniores não estavam ali porque eram muito bons ou porque tinham de ganhar experiência. Estavam ali para servirem de cobaias a novas dosagens. Um elemento do corpo clínico dava cápsulas ou injecções com composições ilegais a miúdos dos juniores (…) Diziam-lhes que eram vitaminas e que a urina era para controlo interno.”

        • Anónimo

          Dezembro 30, 2023 at 3:48 pm

          «Fernando Couto suspenso internacionalmente por «doping». O futebolista português Fernando Couto foi suspenso, quinta-feira, com efeitos imediatos, pela FIFA, na sequência do controlo positivo por “doping” que registou num jogo do campeonato italiano».

        • Anónimo

          Dezembro 30, 2023 at 3:50 pm

          «O F.C. Porto informou que Moreira, atleta júnior que tem vindo a treinar com a equipa B, está suspenso («não castigado») por ter acusado positivo no controlo anti-doping efectuado após o jogo Belenenses-F.C. Porto, realizado 19 de Junho, a contar para a fase final do campeonato de júniores. O jovem jogador acusou vestígios de Furosenida»

        • Anónimo

          Dezembro 30, 2023 at 3:51 pm

          «Siemann punido por doping. Explicação só apareceu agora. O alemão Leander Siemann foi o único jogador de futebol castigado por doping, em Portugal, nos últimos três anos. O central, agora com 20 anos, que chegou do Arsenal, fez 5 jogos pelo FC Porto B até janeiro de 2015, tendo saído no final da época passada e continuando sem clube» (…) «A explicação sabe-se agora: foi apanhado num controlo antidoping, tendo a punição aplicada pelo Conselho de Disciplina da FPF, em abril, sido um ano (depois de lhe reduzir a pena mínima de…2 anos!) de suspensão. Um facto que passou despercebido por ter sido publicado pela Federação num relatório de castigos relativos ao futebol não-profissional, ficando o caso de Siemann misturado com sanções aplicadas a agremiações como o São Romão, Amarante, Cova da Piedade ou Casal Velho». O estranho caso do jogador do foculporto que esteve suspenso por doping, mas que ninguém em Portugal quis saber ou tomou conhecimento! E o bom do Siemann não tinha chegado do Estoril ou do foculporto b do Algarve. Tinha vindo do Arsenal de Londres para reforçar o plantel de Lopetegui!

        • Anónimo

          Dezembro 30, 2023 at 4:00 pm

          E ainda tens os cocainados Deco e Jardel, ou precoces carequinhas Jaime Magalhães, Jaime Pacheco, Bandeirinha, Semedo, Secretário… tudo “efeitos colaterais” da famosa furosenida.

        • Anónimo

          Dezembro 30, 2023 at 4:08 pm

          E agora, para saberes aquilo que o Nuno Assis tomou e que anda sempre na boca de gente triste como tu para justificar 40 anos de doping:

          “Vivi um episódio que me marcou e que me prejudicou bastante, que foi a questão do doping. Depois de um jogo na Madeira, um Marítimo-Benfica, deu controlo positivo e até hoje ainda não percebi como aconteceu. O que acusou foi algo que todos produzimos, uns em maior quantidade que outros, não é nada que se tenha de tomar para aumentar. Há várias coisas que podem fazer aumentar esses valores, até carne de porco preto, por exemplo. Mas é algo que o próprio organismo produz e foi provado que isso é possível.
          Jamais tomei alguma coisa e se tivesse dito que tinha tomado algo, como um comprimido para as dores de cabeça, ficava seis meses suspenso e estava resolvido. Era muito mais fácil. Só depois percebi que isto do doping é muito mais complexo. E prejudicou-me muito. Se soubesse o que sei hoje, depois de tudo o que aconteceu, provavelmente tinha dito que tinha tomado qualquer coisa porque isto é tudo uma treta. Para percebermos como é uma treta, hoje, essa substância, a nandrolona, já não faz parte das proibidas. É tão ridículo que agora chegaram à conclusão que a substância é produzida pelo corpo e que pode chegar a valores que não são os desejáveis.
          Ainda falei com um advogado, queria ir até às últimas consequências, mas agora não posso fazer nada porque as regras na altura eram outras, embora estejamos a falar da mesma substância. Quem saiu prejudicado no meio disto tudo fui eu, não só em termos profissionais, mas também familiares porque ficamos rotulados por uma coisa que a maior parte das pessoas não sabe o que é. Felizmente, o meu filho era muito pequeno e não percebia, porque houve situações muito desagradáveis. Fala-se em doping e para a maior parte das pessoas é logo droga, mas cada um pensa como quiser. Com os adeptos do Benfica não tive qualquer problema, pelo contrário, foram excepcionais, mas claro que com a rivalidade que existe é normal que os outros adeptos aproveitassem para criticar e enxovalhar.
          Foi uma situação que me custou muito e que me prejudicou por duas vezes. Parei seis meses, voltei a jogar e, quando estava numa fase muito boa, talvez a minha melhor fase no Benfica, com o Fernando Santos, tinha uma proposta muito boa do Estugarda, voltei outra vez a parar.
          A minha saída do Benfica estava praticamente certa e na altura o José Veiga chamou-me ao escritório. Pensei que fosse para me dizer que estava tudo OK com a transferência. E quando entro vejo médicos e enfermeiros e fiquei logo: “o que é que se passa aqui? Os médicos não fazem parte disto, é porque tenho alguma coisa”. Foi quando me falou no doping e, por um lado, até me aliviou um bocadinho. “Não tomei nada, estou de consciência tranquila, isto vai resolver-se”, pensava eu.
          Quando recebi a notícia da segunda suspensão estava a jogar muito bem, a sentir-me muito bem, numa excelente forma e, na altura, o mister Fernando Santos, que é um homem excepcional, tal como treinador, veio ter comigo e disse-me:
          – Nuno, vai de férias. Quando quiseres, volta.
          – Ó mister, vou de férias? Ainda é pior, não paro de pensar nisto. Pelo menos fico aqui e treino.
          – Não, não estás aqui a fazer nada. Vai e, quando quiseres, volta.
          – Mas não é preciso dizer nada a ninguém?
          – Não. Eu mando nos jogadores, não te preocupes com o resto. Vai de férias.
          Fui uma ou duas semanas, não me recordo, e voltei. E treinava como se nada fosse, sempre no limite, como se fosse jogar.
          Nesta situação já foi o secretário de Estado do Desporto, o Laurentino Dias, esse senhor, que não me conhece de lado nenhum, falou de mim como se eu fosse um animal. Por acaso nunca me cruzei com ele, mas gostava de me cruzar um dia… Na altura a guerra já era entre o Governo e o Benfica. Da primeira vez, descobrimos vários factores que podiam ter levado a que os valores fossem alterados, fui suspenso seis meses, e foi-nos dada razão, a mim e ao Benfica. Como o CNAD ia perder um pouco de credibilidade, porque as pessoas a partir daí iam pôr sempre em causa tudo o que fossem os resultados, e é um organismo suportado pelo Estado, já era o senhor Laurentino Dias contra mim e contra o Benfica. Eles recorreram para o Tribunal Arbitral da Suíça e, a partir daí, quando entra nesses patamares, eles não querem saber quais são as razões, só querem saber se deu positivo ou não, deram-me mais seis meses.
          E lembro-me perfeitamente desse jogo com o Marítimo. Saí já perto do fim com cãibras. Se calhar o doping fez efeito contrário….”

  3. Pingback: Arouca 0-3 Benfica - O Fura-redes

  4. Pingback: A receita para o desastre - O Fura-redes

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Em Destaque

Mais em Benfica